curvas

Notícias

24/07/2017

Pequeno Príncipe ensina para as crianças de Passarinho que “o essencial é invisível aos olhos”



Os pequenos, atendidos pelo projeto Sistema de Vínculo Solidário da ActionAid, se encantaram durante apresentação da peça no Teatro Santa Isabel

Uma atividade lúdico-recreativa divertiu e encantou cerca de 50 crianças de 4 a 10 anos da comunidade de Passarinho, no Recife, que são atendidas pelo projeto Sistema de Vínculo Solidário da ActionAid. Acompanhadas de técnicas educadoras da Casa da Mulher do Nordeste, elas assistiram, no último sábado (22), a peça O Pequeno Príncipe, no Teatro Santa Isabel, no bairro de Santo Antônio, na capital pernambucana. O espetáculo, que teve o objetivo de incentivar o acesso à cultura e a arte, foi exibido durante o 14º Festival de Teatro para Crianças de Pernambuco.

A alegria tomou conta dos pequenos antes mesmo do início da apresentação. Os olhos brilharam ao entrar no centenário monumento da primeira metade do século XIX, tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 31 de outubro de 1949. O teatro, que faz uma homenagem à princesa Isabel, já recebeu nomes como Dom Pedro II, Castro Alves, a Bailarina russa Ana Pavllowa, dentre outros.

No início da encenação, as crianças foram cativadas pela magia do teatro e puderam reviver o clássico de Antoine Saint Exupéry por meio de diálogos que contêm lições de vida, trilha musical contagiante e coreografias encantadoras.

O Pequeno Príncipe faz uma viagem por diversos planetas e chega ao Planeta Terra em busca de amizades e conhecimento. Personagens como o Piloto, o Rei, a Rosa, a Raposa, o Astrônomo, o Acendedor de Lampiões, entre outros, fizeram as crianças refletirem sobre os valores mais profundos da vida como amizade e respeito ao próximo e as diferenças, de maneira lúdica e ao mesmo tempo consciente, percebendo que “o essencial é invisível aos olhos”.

Para Milena Regina, 10 anos, que esteve no Teatro Santa Isabel pela primeira vez, o programa foi maravilhoso. “Eu achei o teatro muito grande e muito bonito. Quero vir de novo”, disse. Ela também falou sobre o que achou da apresentação e sobre seu personagem favorito. “Eu gostei muito da peça, do Príncipe e principalmente da rosa”, reforçou.

Ter a oportunidade de participar de atividades lúdicas auxilia no desenvolvimento das potencialidades humanas das crianças, ajudando dessa forma na construção emocional, cognitiva e crítica de meninos e meninas.

Sobre o Festival – Na sua 14ª edição, o festival acontece de 1º de julho e vai até o próximo dia 30/07. Espetáculos infato-juvenis de vários grupos pernambucanos se apresentam nos palcos dos teatros Santa Isabel, Luiz Mendonça, Barreto Junior e Experimental Roberto Costa, no NorthWay Shopping, em Paulista. As apresentações ocorrem aos sábados e domingos, sempre às 16h30, e os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada).

 

Bruna Suianne, Núcleo de Comunicação da Casa da Mulher do Nordeste

voltar
curvas

Redes Sociais

FacebookTwitter

Participe