curvas

Notícias

12/07/2017

Mulheres recebem assessoria para desenvolvimento de quintais produtivos



A dedicação empregada a um quintal pode favorecer os conhecimentos das mulheres de uma região beneficiando dessa forma ela e sua família de diversas maneiras; na segurança alimentar e no aumento da qualidade de vida.

Pensando em desenvolver um trabalho com a temática da agroecologia na agricultura urbana, assessoras técnicas da Casa da Mulher do Nordeste e a agricultora Ana Lúcia acompanharam, na manhã desta terça-feira (11), a família de dona Maria de Lurdes de Melo, moradora do conjunto habitacional Laura Ramos, em Afogados da Ingazeira, em uma atividade enriquecedora. Elas participaram de uma ação com práticas agroecológicas sobre preparo de canteiros, técnicas de adubação e plantio de mudas.

Elas aprenderam um pouco sobre os adubos apropriados para as plantações de árvores frutíferas utilizando esterco de caprinos, pó de café e pó de casca de ovo, além da forma correta do plantio de mudas de cebolinhas e alface. Essas contribuições são valiosas na melhoria das características do solo e, consequentemente, da manutenção do quintal produtivo.

Dona Lurdinha, como é popularmente conhecida, já possuía um quintal com uma boa área para o cultivo das plantas. Em visitas anteriores, as técnicas ajudaram a dona de casa com dicas sobre a limpeza e organização do quintal. Os três filhos dela fazem parte do projeto Sistema de Vínculo Solidário/Actionaid, realizado na comunidade de Miguel Arraes, também em Afogados da Ingazeira.
 

Bruna Suianne, Núcleo de Comunicação da Casa da Mulher do Nordeste

voltar
curvas

Redes Sociais

FacebookTwitter

Participe